Corporativismo

From humanipedia
Jump to: navigation, search

Corrente ideológica que considera a corporação (associação de pessoas de uma profissão ou ramo de atividade), como fundamento da sociedade e o regime corporativo como o sistema ideal.

O sistema corporativo de organização da sociedade foi implantado, na sua forma mais precisa, na Itália fascista, no Portugal de Salazar e no Brasil de Vargas (Estado Novo, de 1937 a 1945). Neste sistema, as corporações de interesses (industriais, comerciantes, banqueiros, agricultores, etc.), tinham a sua representação oficial nas câmaras, em detrimento da representatividade parlamentar própria das democracias. O controlo ideológico e político sobre as corporações tendia a transformá-las no instrumento do poder totalitário.

O Novo Humanismo vê no corporativismo um perigo para a dignidade e as liberdades da pessoa humana, porque nesse sistema tenta-se substituir os direitos humanos pelos interesses corporativos, dissolvendo as pessoas na corporação, como se esta fosse um ente sobre-humano.