Psicologia Humanista

From humanipedia
Jump to: navigation, search

No dizer de Fernand Lucien Mueller, “A influência da fenomenologia husserliana e da filosofia de Heidegger, que dela se deriva, tem sido muito considerável nas ciências psicológicas. Uma influência por sua vez direta e distinta, da qual não se pode dar, brevemente nada mais do que um vislumbre. A Fenomenologia tem dado um singular freio aos promotores da ‘nova’ psicologia, que pretendiam relegar a filosofia ao museu das antiguidades”.

São numerosos os autores que pertencem a esta corrente. Quase todos eles receberam a influência de F. Brentano e do método fenomenológico de Husserl. As obras de Jaspers, Merleau Ponty, Sartre e Binswanger são conhecidas universalmente. Como corrente psiquiátrica, a “Terceira Escola de Viena”, de Frankl, inscreve-se nesta corrente. Também existem métodos de trabalho psicológico como o exposto por L. Ammann no seu sistema de Autoliberação. Muitas obras de psicologia humanista orientam-se para a psicologia social.