Darwinismo Social

From humanipedia
Jump to navigation Jump to search

Escola sociológica de fins do século XIX que estendeu as idéias do naturalista inglês Charles Darwin sobre a evolução das espécies por meio da seleção natural, à evolução social da humanidade, confundindo a biologia com a sociologia. A absolutização das teses sobre a luta pela existência e sua extensão à vida social, conduz à negação de outra tendência do desenvolvimento da natureza: a solidariedade dentro da espécie e a ajuda mútua. O darwinismo social entrelaça-se com a escola antropológica racial, estimulando a agressividade na conduta do ser humano, transformando-o não em irmão mas em inimigo e rival de seus semelhantes. O darwinismo social é um caso típico de anti-humanismo, já que divide artificialmente o gênero humano, incitando a violência de uns contra outros, justificando as guerras fratricidas e a opressão.