Nação

From humanipedia
Jump to navigation Jump to search

(do lat. Nationem e este de nasci: nascimento). Conjunto dos habitantes de um país, regido pelo mesmo governo; território desse mesmo país; conjunto de pessoas que geralmente falam o mesmo idioma e estão ligadas por uma história comum. Distingue-se das etnias, que agrupam as pessoas da mesma origem comum. A nação moderna é polifónica. Forma-se no processo da estruturação do mercado e das culturas nacionais, com base no surgimento da sociedade civil num determinado território. Diferentes nações podem falar o mesmo idioma (os casos de Inglaterra, EUA e Irlanda; Alemanha e Áustria; Espanha e as nações latino-americanas hispano-falantes; os estados árabes, os PALOP - língua portuguesa, etc.).

O termo “nação”, no sentido moderno, apareceu durante as guerras de independência das colónias inglesas e espanholas na América e durante a revolução francesa. As Nações Unidas reconheceram o direito das nações à autodeterminação, o que contribuiu para a decomposição do sistema colonial e para a aparição de uma centena de novos estados-nações depois da Segunda Guerra Mundial.

O Humanismo Universalista apoia as reivindicações dos grupos de pessoas que se sentem pertencentes a nações, a autonomia nacional cultural; a educação no seu idioma vernáculo; o uso livre de sua língua nas relações com as instituições oficiais. Por sua vez, os humanistas apelam à resolução dos conflitos nacionais por meio das negociações, sem recorrer à violência; e a respeitar as fronteiras reconhecidas pela comunidade internacional.