Radicalismo

From humanipedia
Jump to navigation Jump to search

do lat. Radix: raiz). Corrente que pretende reformar profundamente a ordem política, científica, moral e religiosa e opõe-se ao posicionamento "gradualista". Na vida política dos países europeus e americanos dos séculos XIX e XX distinguem-se os partidos radicais históricos, que ocupavam o flanco de esquerda dentro do movimento democrático e que consideravam os liberais como flanco de direita. Os radicais defendiam os princípios republicanos do sufrágio universal, da educação laica, a legislação social avançada e outros direitos humanos. Os radicais fizeram parte de várias revoluções políticas, formando alianças políticas com os socialistas e participando ativamente na luta contra o fascismo e o totalitarismo em geral, pregando pela modernização da sociedade.

Na política contemporânea, o termo radicalismo é usado para destacar a propensão de uma força política para as ações enérgicas extralegais. Assim, diferencia-se o radicalismo de direita (fascismo, fundamentalismo) e o radicalismo de esquerda (anarquismo, comunismo).