Tolerância

From humanipedia
Jump to navigation Jump to search

(de tolerar e este do lat. tolerare). Qualidade moral que expressa uma atitude atenta e respeitosa de uma pessoa, grupo, instituição, ou sociedade, quanto aos interesses, crenças, opiniões, hábitos e condutas alheias. Manifesta-se no afã de chegar à compreensão mútua e à conciliação de interesses e opiniões divergentes, por meio da persuasão e das negociações. O enfoque da tolerância efetuada por algumas religiões admitiu a não resistência ao mal por médio da violência. Este enfoque foi desenvolvido por Tolstoi e Gandhi numa doutrina política e moral. Em todo o caso, não deve se confundir a tolerância com a caridade ou compaixão.

A tolerância assegura a liberdade espiritual de cada pessoa na sociedade moderna. Desde o século XVIII se aplicava preferentemente na esfera religiosa, com o reconhecimento da permissão para professar crenças distintas da admitida oficialmente. Na atualidade, a tolerância se converte numa condição necessária para a sobrevivência da humanidade, porque permite realizar o diálogo entre diferentes culturas e correntes, sobre a base do respeito mútuo e igualdade de direitos.

A tolerância é o fundamento da democracia moderna, porque assegura o pluralismo religioso, ideológico e político; dá garantias às minorias frente às maiorias e assegura a soberania da personalidade.

O Novo Humanismo considera a tolerância como condição indispensável do estilo de vida humanista e da cooperação nacional e internacional, como base para a aplicação efetiva dos direitos humanos universais.